HBO proíbe bar de Nova Iorque de transmitir Game of Thrones

Pirataria e Game of Thrones, são palavras que sempre caminharam juntas, desde o momento em que a HBO disse que os números de downloads ilegais são “melhores do que um Emmy”. No entanto, a HBO tem tomado medidas de forma a proteger a maior das suas produções, e uma delas é justamente enviar e-mails de alerta às pessoas que fizeram o download dos episódios que caíram na internet (no dia anterior ao da estreia) e tentar impedir os fãs que vivem fora dos EUA de usar a HBO Now.

Tywin in the Sept (official HBO)

Porém, um dos casos que mais deu que falar foi quando um bar do Brooklyn, Videology, que todos os domingos transmitia os episódios da série para os seus clientes, recebeu  um comunicado por e-mail da HBO. Segundo a estação de televisão, as casas de comércio de comidas e bebidas estão a fazer lucro, indiretamente, com a série. Ainda no mesmo comunicado, eles afirmam que “os serviços por assinatura (que é o caso da HBO) não devem ser disponibilizados em locais públicos”.

O proprietário do bar Videology pretende honrar com o pedido feito pela HBO. “Temos plena consciência de que é o conteúdo deles, por isso vamos cumprir com isso”, disse Wendy Chamberlain, co-proprietário do bar Williamsburg. Os clientes, alguns deles afirmaram que têm assinatura da HBO mas que gostavam de ver a série com uma multidão, ficaram desapontados com a decisão. Outros prometeram ir ver os episódios em outros bares ali da zona que também costumam transmitir a série da HBO.

 

Fonte: Winter is Coming

About Jon

Nascido entre o Gelo e o Fogo, descendente de duas das grandes casas de Westeros, Targaryen e Stark. Um apaixonado por este mundo que nos seus tempos livres dedica-se a fazer aquilo de que mais gosta, descobrir e dar a conhecer mais sobre este mundo.